Chorão falando sobre o segredo

Chorão dá exemplo de como funciona o segredo.

Primeiro ele fala da banda mas a parte mais importante vem após a explicação da briga da banda. Até que chega a parte do vamos fazer na prática o que nossas letras dizem na teoria:

Força, coragem, atitude, respeito, amor e memórias cravadas em meu peito, Dias de luta, dias de glória, em cada show uma alegria, em cada esquina uma história.Dias de luta, dias de glória.

Mas cade o segredo?- Tá bem ai no meio.

A banda Charlie Brown Jr lançou Discos 1 atrás do outro, e  se for feita uma analise de tudo que eles lançaram, começa com a banda se impondo com o corra que os caras do CBJR vão invadir a cidade e finalizou com o um dia a gente se encontra.

Se quer entender melhor como eles manifestaram tal poder, ouça os discos em ordem cronológica, vejas os fatos que ocorreram ao redor deles durante determinado disco e veja as coincidências.

Tudo que eles desejaram conseguiram, chorão principalmente.

Tudo que ele sonhou, acho que acabou realizando: Tocar, andar de Skate, produzir boas músicas, ter uma pista de Skate, ter uma mina legal, fazer um filme, entre tantas outras realizações que ele teve.

Ele botava a ideia no papel, trazia alegria para todos em seus shows, as pessoas contavam suas músicas e assim ele criava um fluxo de energia suficiente para lhe fazer ter o poder da manifestação quase que instantâneo.

. E tanto poder sem muita direção acabou levando ao que houve com ele e muitos outros que vivem da mesma vibração. O famoso melhores são os 40 anos a mil do que mil anos a 40 por hora.

Uma pena somente ele ter decidido o seu fim ao voltar a se consumir. Ele não teve segunda chance, espero que outros tenham chance de criar uma nova realidade.

 

 

Chorão faz descarrego e fala sobre más enegias

Durante trecho do show, Chorão faz um descarrego e fala sobre energias

O cantor sempre falou bastante durante seus shows. E também andou falando bastante sobre positividade, como todos sabem. Suas melhores músicas falam sobre amor, paixão, boas vibes e outros segredos ocultos. Mas muitos, os preconceituosos, só ficam com a imagem de um homem tatuado, desbocado e que só quer andar de skate.

Mas por trás deste disfarce, havia um cara muito consciente de tudo que fazia e das palavras que queria passar a frente. Sua morte foi uma perda para os fãs, mas pode ter trazido para outros tantos, que já nem ouviam falar na banda, um pouco mais de “sucesso”para que as músicas dele fossem mais analisadas e valorizadas.

Chorão deu muito de informação que recebia e transmitia por meio de suas musicas. Lutar pelo que é meu, estar sempre em pé e aprender com os erros. O cara era foda.

 

 

Ótima apresentação do Charlie Brown Jr: Ensaio – TV Cultura

Programa Ensaio da Tv Cultura mostra Chorão bem de perto

Pra quem quer saber o quão genial era esse maluco de Santos, vale a pena conferir o Ensaio da TV Cultura gravado ainda em 2009.

Todo o peso da música com as rimas ou poemas do nosso Alexandre Abrão, com áudio limpo e uma presença de palco que marcaram as apresentações da banda.

A intimidade de estarem em um estúdio, com ar, som muito bom e com pausas para respostas as perguntas do apresentador, fazem com que o show possa ser acompanhado de uma cerveja.

Com o sorriso solto e livre de quem estava feliz e a todo o vapor. O cantor conta sobre sua história, sua vida de São Paulo a Santos e sobre sua relação com skate, música e tudo mais relacionado a formação da banda.

Depois ainda comenta a treta que teve com Marcelo Camelo e sua trupe.

Digno de um ensaio de uma banda dos amigos. Quem frequenta sabe como é. Confira abaixo no Canal Oficial da Tv Cultura: Chorão & Charlie Brow Jr  – Ensaio14

RIP Chorão – Reflexões sobre a morte de Alexandre Magno Abrão #01

Motovlog sobre o o dia em que o Chorão morreu.

Saí pela manhã daquele  de casa com a notícia  da morte do cantor da banda Charlie Brown Jr, Chorão. Filho, pai, marido, cantor, ídolo. O cara que revolucionou o rock unindo rimas raras a riffs pesados e melodiosos.

O rock perde mais um ídolo para o Matrix. Um dos caras que mais senti a morte nos últimos anos. Um gênio que foi destruído, na minha opinião, pela depressão, causada me parte pela falta do pai, em parte pela separação da esposa e muito por causa da cocaína.

Ter se apoiado em algo que ele mesmo falava que estava livre. Foi a sua bengala que acabou lhe matando. Se apoiou em algo que somente te derruba.

Que mais pessoas consigam sair da depressão e que nào usem drogas para mascarar suas fragilidades. A cocaína ou outras drogas controladas fazem com que as pessoas mascarem os sintomas de algo.

Você toma uma aspirina para uma dor de cabeça, mas não tenta localizar o local da dor, a razão, se é intestinal, se é vista, algo que você comeu. Você simplesmente mascara a dor e segue em frente. Com as drogas é a mesma coisa.

Umas te socializam, outras te isolam. Mas todas, tenha certeza, você não consome drogas, as drogas é que nos consomem.

RIP Chorão. A música caiçara brasileira nunca mais será tão boa.

No vídeo falo um pouco sobre o que achamos que é a felicidade.

Sobre a superação dos problemas e de tudo que existem de desafios nesta vida. Temos que ter fé, superar as coisas que nos deprimem e voltar a sentir ao invés de vestir.

Fazer o bem, independente de quem. Menos foda-se e mais ame-se.